NÃO HAVERÁ NATAL?

Claro que sim! Mais silencioso e com mais profundidade, Mais parecido com o primeiro, em que Jesus nasceu em solidão.
Sem muitas luzes na terra, mas com a da estrela de Belém fulgurando trilhos de vida em sua imensidão.
Sem cortejos reais colossais, mas com a humildade de sentir-nos pastores e pastorinhos buscando a Verdade.
Sem grandes mesas e com amargas ausências, mas com a presença de um Deus que tudo plenificará.
Não haverá Natal? Claro que sim! Sem as ruas a transbordar, mas com o coração aquecido pelo que está para chegar.
Sem barulhos nem ruídos, propagandas ou foguetes… mas vivendo o Mistério sem medo do “covid-herodes” que pretende
tirar-nos até o sonho de esperar.
Haverá Natal porque Deus está do nosso lado e partilha, como Cristo no presépio, a nossa pobreza, a prova, o pranto, a angústia e a orfandade.
Haverá Natal porque necessitamos de uma luz divina no meio de tanta escuridão. A Covid-19 nunca poderá chegar ao coração nem à alma dos que no céu põe sua esperança e o seu alto ideal. Haverá Natal! Cantaremos nossos cantos natalinos!  Deus nascerá e nos trará a liberdade!
(tradução livre do espanhol)
Fonte: https://www.vida-crista.pt/reflexoes/nao-havera-natal/

 
Indique a um amigo
 
 
Notícias relacionadas